Buscar

1ª Etapa do Ranking Atrelagem reúne provas de adestramento e maneabilidade em Bragança


A Confederação Brasileira de Hipismo (CBH) e o Clube Hípico da Quinta da Baroneza (Bragança Paulista, SP) realizaram - ontem (31/07) - a primeira etapa das provas de adestramento e maneabilidade (cones) do Ranking de Atrelagem CBH 2016. No adestramento, 17 conjuntos disputaram posições durante todo o período da manhã. À tarde, 19 conjuntos mostraram suas habilidades na prova dos cones. Todas as provas tiveram concorrentes nas categorias MIrim, Infanto-Juvenil, Iniciantes, Master e Profissionais, modalidades Singular (1 animal), Parelha (2 animais) e Quadra (4 animais), abertas às tradicionais raças que se destacam no esporte: Lusitano, Bretão, Friesian, Morgan, Haflinger, Pônei, WelshCob, Shetland, PSI, dentre outras.

A sincronia dos lusitanos da Interagro

As provas obedeceram (em termos gerais) ao regulamento FEI de Concurso Combinado e o regulamento CBH de Maneabilidade e Adestramento. Para garantir o sucesso do evento, na comissão organizadora estavam Ana Carolina Borja (diretora de Atrelagem CBH), Marina Suguimoto (diretora de campo) e Susana Reinhardt Cintra, que além de presidente do júri, foi a designer do percurso em pista de grama (100m x 40m). Até o final do ano, acontecem mais etapas; a próxima será em 25/09 (Sociedade Hípica Campinas) e 22/10 (Haras Larissa), a confirmar.

Desde o segundo semestre de 2009, a Atrelagem - oficialmente - faz parte das modalidades sob a chancela da Confederação Brasileira de Hipismo, sempre com forte incentivo de Ana Carolina Borja, presidente da Associação Brasileira de Atrelagem, diretora da modalidade na CBH e primeira competidora brasileira em provas internacionais de Atrelagem.

Atrelagem no Brasil

Atrelagem é uma espécie de “triatlon” cujo objetivo é mostrar a versatilidade do condutor na condução de um ou mais cavalos atrelados a um “carro” (carruagem, trole etc). No Brasil, animais atrelados (dos pesos-pesados Bretão, Percheron, Clydesdale, aos animais de sela, como o Puro Sangue Lusitano, Haglinger, Pôneis e American Troter, entre outras raças) se limitavam a passeios e demonstrações em eventos equestres, exposições agropecuárias, romarias até início da década de 2000. No final de 2009, dois fatores contribuíram para a evolução deste cenário: a Atrelagem passou a fazer parte dos esportes regidos pela Confederação Brasileira de Hipismo (CBH), e a criação da Associação Brasileira de Atrelagem (Abrat).

Com adoção dos regulamentos da Federação Equestre Internacional (FEI) e a realização de clínicas e cursos com nomes de destaque internacional, a Atrelagem passou a atrair criadores de várias raças para o esporte. O primeiro Campeonato Brasileiro de Atrelagem, aberto a todas as raças, e o primeiro ranking da CBH aconteceram em 2011.

fonte: CBH

#atrelagem #rankingdeatrelagem #QuintadaBaronesa #CarolBorja #CBHatrelagem

0 visualização
  • Facebook Trote&Galope
  • Instagram Trote&Galope
  • Youtube Trote&Galope

© 2014 por TROTE & GALOPE e HELENO CLEMENTE PHOTOEQUESTRE

Todos os direitos reservados. Proibido reproduzir textos ou fotos sem autorização do autor. All rights reserved.