Buscar

Time Brasil de Salto busca o bi consecutivo no CSIO5* La Baule, França


Na estreia oficial do novo técnico Philippe Guerdat, o Time Brasil larga com Marlon Zanotelli, Eduardo Menezes, Stephan Barcha e Pedro Veniss na abertura da série FEI Longines FEI Jumping Nations Cup 2019 na França.

Nessa sexta-feira (7/5), o Time Brasil de Salto busca o bicampeonato consecutivo na Copa das Nações, no Concurso de Salto Internacional Oficial - CSIO5* La Baule, na França. O novo técnico do Time Brasil de Salto, Philippe Guerdat, faz sua estreia oficial liderando a equipe formada por Marlon Zanotelli / Sirene de Motte, Eduardo Menezes / H5 Quintol, Stephan Barcha / Artois D Avillon e Pedro Veniss / Quabri de L'Isle.

Pedro Veniss com Quabri, membro da equipe campeã 2018, também larga em 2019 (FEI)

Pedro Veniss com Quabri, membro da equipe campeã 2018, também larga em 2019 (FEI)

A disputa marca a arrancada da liga na série Longines FEI Jumping Nations Cup 2019, que terá sua grande final pelo sétimo consecutivo em outubro, em Barcelona (Espanha), disputa em que o país campeão - caso ainda não esteja qualificado - tem a última chance de garantir sua vaga para os Jogos Olímpicos Toquio 2020. Antes, porém, entre 6 e 9 de agosto, o Time Brasil de Salto busca a qualificação olímpica nos Jogos Pan-americanos 2019 em Lima, Peru, onde as três primeiras equipes carimbam o passaporte de seus países para Toquio.

A rodada das equipes começa pela Irlanda, liderada pelo campeão olímpico brasileiro Rodrigo Pessoa, depois entram em pista os primeiros conjuntos do Canadá, Alemanha, França, Bélgica, Grã Bretanha, Brasil e Suíça. A disputa tem início às 14h (fuso horário local). Além do técnico Philippe Guerdat, Pedro Paulo Lacerda, chefe de equipe, e o veterinário Rogério Saito acompanham a delegação brasileira.

Em 2018, a equipe do Brasil formada por Luiz Felipe de Azevedo Filho / Chaccomo (1/1), Felipe Amaral / Germanico T (5/9), Yuri Mansur / Vitiki (0/4) e Pedro Veniss / Quabri de L´Isle (1/0) foi campeã da Copa das Nações CSIO de La Baule, fechando os dois percursos a 1.60m com apenas 7 pontos perdidos (pp) - computado o descarte dos resultados de Felipe Amaral. Já esse ano, além de Pedro Veniss, somente Felipe Amaral também está competindo em La Baule e hoje conquistou a 6ª colocação a 1.40 metro, montando Quinn 33.

fonte: Imprensa CBH (Carola May / Rute Araújo)

#HIPISMO #TimedeSaltoBrasil #FEILongines #FEIJumpingNationsCup

0 visualização0 comentário