Buscar

Referência no Enduro, Haras Albar agora investe no salto


Amanhã e domingo, dias 2 e 3 de julho, o Haras Albar (Campinas, SP) vai dar mais um grande passo para se tornar uma das maiores referências para a prática de esportes equestres no Brasil. Será a primeira vez que o local sediará uma prova oficial da Federação Paulista de Hipismo e, para isso, o evento estreará também a nova estrutura construída para receber competições de Salto. Em entrevista com o proprietário Carlos Augusto Barros (Carlito), um dos sócios da Chevaux, descobrimos uma pouco mais sobre as novas instalações e suas expectativas para a prova.

Reportagem: Qual é a história do Haras Albar? Vocês começaram investindo no Enduro e resolveram entrar no Salto também?

Carlito: Na verdade, a história é inversa. Eu já praticava salto quando criança, entre os sete e 10 anos de idade, mas depois fiquei afastado do esporte. Quando nos mudamos para a fazenda, final de 2010, eu ressuscitei o salto como hobby, ainda fazendo aulas com Marcelo Messias, no Rancho Império. Na época, a tendência natural foi tentar migrar o local das aulas para a fazenda. Então, quando eu tive contato com o Enduro, nós já praticávamos o Salto no Haras Albar e quem nos ajudou a implantar a modalidade aqui na fazenda foi o próprio Marcelo Messias que, inclusive, foi meu consultor para iniciarmos as primeiras provas de Enduro (em 2010 / 2011).

Reportagem: E agora o Haras Albar passou a investir mais pesado no Salto. Como surgiu essa ideia de apostar nas duas modalidades?

Carlito: Quando começamos a nos envolver com Enduro, percebemos que - para receber essa modalidade no Haras Albar - seria necessário dispor de um espaço o mais adequado possível.

E a partir do momento que a gente se envolveu na atividade como Centro Equestre para receber eventos esportivos hípicos, surgiu a necessidade de criar um espaço bom para Salto também. Já tínhamos uma excelente sede de cavalos; faltava criar uma sede funcional para eventos de Salto. Além disso, o Haras Albar conta com o cavaleiro Marcos Ribeiro Santos, o Marquinhos (foto abaixo), que é um atleta muito bom, tem ambição, dedicação e conhecimento para um dia tornar-se cavaleiro olímpico. Meu sonho é que o Haras Albar possa mostrar o caminho olímpico para ele. E, para isso, mais uma vez surgiu a necessidade de investir na excelência de cavalos, local e equipamentos de Salto.

Reportagem: Como a nova estrutura (a ser inaugurada na II Etapa da Copa Chevaux de Salto) vai mudar a relação dos visitantes com o Salto?

Carlito: A nova estrutura foi pensada para acrescentar muitos pontos aos eventos de Salto. Primeiro, a arquibancada coberta tem capacidade para 400 pessoas, é um espaço fixo, mobiliado e confortável. Um local que alie qualidade e dimensão não é comum aqui no Brasil. Outro ponto é a iluminação da pista de Salto, que é de excelente qualidade. Quanto às pistas, tanto a principal como a de distensão, são preparadas com uma mistura de areia branca muito boa misturada a um tipo de feltro, ou seja, proporciona uma compactação realmente diferenciada. Por outro lado, pensando no conforto dos juízes, construímos uma estrutura bem pensada tecnicamente e, ao mesmo tempo, confortável para a execução do trabalho.

Estamos realmente tendo muito cuidado e capricho. Todas essas melhorias, em termos de iluminação, irrigação, conforto e beleza foram feitas pensando em criar um ambiente que esteja pronto para abrigar qualquer evento, desde algo mais simples em um fim de semana, até um evento maior ou mais importante.

Reportagem: O que você espera da prova dos dias 2 e 3 de junho? Está animado?

Carlito: Muito animado mesmo, mas também muito atento e crítico. Vai ser um momento de aprendizado e observação sobre o nosso novo público, buscando sempre entendê-lo e melhorar de acordo com as necessidades. Afinal, a nossa proposta é tentar criar um espaço de referência para eventos de Salto, mas temos que avaliar a resposta do público, principalmente nesse primeiro evento e no de setembro, que além da III Etapa da Copa Chevaux de Salto também vai contar com uma clínica conduzida por Nelson Pessoa.

Reportagem: Qual convite você deixa aos cavaleiros e visitantes?

Carlito: Realmente eu aguardo ansiosamente por muitos visitantes aqui de Campinas e São Paulo, e se possível também de outros estados. Quero que todos conheçam as novas instalações do Albar, feitas com muito carinho, muito cuidado, muito esmero. E, claro, meu desejo é que todos gostem e se acostumem a fazer provas com frequência aqui no Haras. Somos muito animados, muito abertos e muito caprichosos. Então, queremos que todos se sintam o melhor possível no novo local. Será um prazer recebê-los.

fonte: Assessoria de Imprensa Chevaux

#HarasAlbar #provadesalto #hipismo

34 visualizações
  • Facebook Trote&Galope
  • Instagram Trote&Galope
  • Youtube Trote&Galope

© 2014 por TROTE & GALOPE e HELENO CLEMENTE PHOTOEQUESTRE

Todos os direitos reservados. Proibido reproduzir textos ou fotos sem autorização do autor. All rights reserved.