• Facebook Trote&Galope
  • Instagram Trote&Galope
  • Youtube Trote&Galope

© 2014 por TROTE & GALOPE e HELENO CLEMENTE PHOTOEQUESTRE

Todos os direitos reservados. Proibido reproduzir textos ou fotos sem autorização do autor. All rights reserved.

Buscar

Londrina (PR) sedia evento com 19 esportes equestres esta semana


Até o dia 21 de outubro, 2,3 mil cavalos Quarto de Milha e 1,3 mil atletas de todo o país passarão pelo Parque Ney Braga, local onde a ABQM realiza as provas.

Pista liberada para mais um grande evento esportivo com cavalos da raça Quarto de Milha, em Londrina (PR). As competições do 39º Potro do Futuro, 12ª Copa dos Campeões, 4º Derby e 1º Juvenil, que receberam 7.342 inscrições, começaram nesse domingo (14/10). Até o próximo dia 21, o público poderá acompanhar 19 modalidades esportivas, que serão disputadas simultaneamente em quatro arenas, no Parque de Exposições Governador Ney Braga. A entrada é gratuita.

Mais de 2,3 mil cavalos e 1,3 mil atletas de todo o país buscarão almejados títulos de campeões e prêmios que totalizam mais de R$ 1 milhão. De acordo com a ABQM - Associação Brasileira de Criadores de Cavalos Quarto de Milha -, este será o maior Potro do Futuro da história. “No comparativo com 2017, este evento cresceu 41% no número de inscritos. Estamos felizes em voltar a Londrina, que sempre nos acolhe tão bem”, comemorou Cicinho Varejão, presidente da ABQM.

Crescimentos expressivos

Destaque para a modalidade de Três Tambores, que terá 78% a mais de participações no comparativo com o último ano, passando de 1.802 para 3.205. O Western Pleasure, um dos mais tradicionais esportes da raça Quarto de Milha também teve um expressivo crescimento de 57%, seguido das Seis Balizas com 55% e Ranch Sorting com incremento de 48%.

“Registramos aumento de participações em quase todas as modalidades esportivas”, afirmou Henrique Campana, gerente de Esportes da ABQM.

Mais informações sobre o evento: www.abqm.com.br/potrodofuturo

fonte: ABQM (foto Divulgação)

#PotrodoFuturo #QuartodeMilha

0 visualização