Buscar

Brasileiro, montando Cavalo Árabe, fica no Top 10 do Ranking Mundial de Enduro


Caio montado em seu cavalo Árabe Haras Albar (Divulgação)

Sempre sobre a sela de exemplares da raça Árabe, José Caio Frisoni Vaz Guimarães, 20 anos de idade, terminou 2020 em 9º lugar no Ranking Mundial de Enduro, categoria Young Rider do ranking da Federação Equestre Internacional (FEI). "Foi um ano muito atípico por causa da pandemia. Mesmo assim, conseguimos (eu e a equipe) um grande feito. Essa conquista não deixa só a mim, mas toda a equipe, muito feliz e realizado", disse o competidor.

Caio explica que o ranking da FEI usa a somatória de pontos obtidos durante todo o ano em provas chanceladas pela entidade. Ano passado (2020), ele correu poucas provas em decorrência da Covid-19, apenas quatro e apenas no Brasil. "Provavelmente, se não fosse a pandemia, eu teria participado de mais provas em busca de qualificação para o Campeonato Mundial de YR. Ou até por convite de amigos para correr provas no exterior", conta o competidor.

Conquistas para o Ranking Mundial de Enduro Portanto, até então, Caio tinha a difícil missão de obter bons resultados na maior parte das poucas provas das quais disputou. Foi exatamente isso que ele fez: montando a égua Árabe Monalisa CRH, na prova do Haras Endurance, ele ficou em 2º lugar nos 120kmYR.

Depois, na prova da Fazenda Nossa Senhora de Lourdes, montando outro exemplar Árabe, VG Norteña, terminou em 1º lugar nos 100km YR. Por fim, em outra prova também na Fazenda Nossa Senhora de Lourdes, dessa vez montando o cavalo Árabe Cabo Frio CSM, subiu mais uma vez no lugar mais alto do pódio nos 120km YR.

Ao ser questionado sobre a importância do Cavalo Árabe como companheiro nessa conquista, no Ranking Mundial de Enduro, Caio cita uma frase que, segundo ele, costuma muito dizer e que a cada dia fica mais precisa, “O cavalo Árabe é sinônimo de resistência. Resistência é sinônimo de enduro equestre. Portando, o cavalo Árabe e o enduro nasceram um para o outro", finaliza.

Por sua resistência, o Cavalo Árabe é um dos mais utilizados na prática do Enduro e tem tido excelentes resultados no mundo. No Brasil, inclusive, após 14 anos haverá um Panamericano de Enduro, mostrando todo o potencial que o país atingiu no esporte.

Saiba mais sobre cavalo Árabe, acesse www.abcca.com.br e siga @abccarabe




fonte: Assessoria de Imprensa (Verônica Formigoni)


  • Facebook Trote&Galope
  • Instagram Trote&Galope
  • Youtube Trote&Galope

© 2014 por TROTE & GALOPE e HELENO CLEMENTE PHOTOEQUESTRE

Todos os direitos reservados. Proibido reproduzir textos ou fotos sem autorização do autor. All rights reserved.