Buscar
  • Carola May

Top brasileiro Marlon Zanotelli vence a 1.60m no Internacional 5* em Doha no Quatar

Zanotelli, campeão pan-americano e atual nº 7 do ranking mundial, superou 9 conjuntos no desempate. Marcus Fuchs, nº 2 do ranking mundial, foi vice. No Adestramento Paraequestre, Rodolpho Riskalla confirmou o favoritismo com mais uma vitória e João Victor Oliva estreou no Adestramento.


Marlon e Like a Diamond van het Schaeck a caminha da vitória a 1.60m em Doha (CHI Al Shaqab)
Marlon e Like a Diamond van het Schaeck a caminha da vitória a 1.60m em Doha (CHI Al Shaqab)

Nessa sexta-feira (25/2), deu Brasil na principal disputa do Concurso de Salto Internacional 5* na arena Al Shaqab, em Doha, no Quatar, com a participação da elite do hipismo mundial. O campeão pan-americano Marlon Zanotelli, 34, atual nº 7 do ranking mundial, levou Like a Diamond van het Schaeck à vitória na disputa a 1.60m, sem faltas no desempate, em 41s43.


Marlon Zanotelli no topo do pódio no CSI5* Al Shaqab, em Doha, Quatar (CHI Al Shaqab)
Marlon Zanotelli no topo do pódio no CSI5* Al Shaqab, em Doha, Quatar (CHI Al Shaqab)

Dos 40 conjuntos, 10 foram ao desempate. A 2ª colocação coube ao suíço Martin Fuchs, nº 2 do ranking mundial, que montando Connor JEI cruzou a linha de chegada em 41s02. A 3ª colocação foi da sueca Malin Baryard-Johnsson, ouro por equipes e 5ª individual em Tokyo 2020, apresentando H&M Indiana, pista limpa, 42s98.


Marlon Zanotelli e Marcus Fuchs confraternizam no pódio (CHI Al Shaqab)
Marlon Zanotelli e Marcus Fuchs confraternizam no pódio (CHI Al Shaqab)

Pela conquista, Marlon garantiu a fatia de 49 mil euros em premiação de um total de 140 mil em jogo. A principal disputa - GP CHI AL Shaqab - Longines, a 1.60m, acontece nesse sábado (26/2), a partir das 17h45 (fuso local) - 11h45 (fuso BSB), Marlon larga com VDL Edgar M e será o 15º conjunto entre um total de 43 inscritos.


Rodolpho Riskalla vence outra vez e João Victor Oliva garante bela estreia

O Brasil também esteve na arena Al Shaqab no Adestramento Paraequestre e Adestramento nessa sexta-feira. O destaque no Paraequestre foi Rodolpho Riskalla, medalha de prata em Tokyo 2020, com Don Henrico que venceu pelo segundo dia consecutivo, dessa feita com 78,902% no Individual Test Grau IV. O cavaleiro busca o tetra na competição com 100% de aproveitamento, uma vez que também venceu as três provas que disputou em 2019/2020/2021.


Rodolph Riskalla e Don Henrico vêm mantendo a invencibilidade de 4 anos (CHI Al Shaqab)
Rodolph Riskalla e Don Henrico vêm mantendo a invencibilidade de 4 anos (CHI Al Shaqab)

Já no Adestramento, o cavaleiro João Victor Oliva, melhor brasileiro no Adestramento em Olimpíadas, com Escorial fechou com 70,065% e o 12º lugar na classificação geral. O campeão foi o sueco Patrik Kittel montando Touchdown, 77.652%.


Nesse sábado (26/2), João Victor e Escorial largam no Grand Special e Rodolpho com Don Henrico no Freestyle Grau IV, respectivamente, 8h34 e 10h24 (fuso local), 2h34 da manhã e 4h24 (fuso BSB).


De olho no Mundial

Marlon, Rodolpho e João Victor são fortes candidatos a integrarem as equipes brasileiras em suas respectivas modalidades no Mundial 2022, em Herning, na Dinamarca, entre 6 e 14/8, competição que acontece a cada quatro anos e é considerada a Copa do Mundo do Hipismo.


Acompanhe o placar em Doha


fonte: Informações para Imprensa (Carola May)

4 visualizações0 comentário